terça-feira, 12 de agosto de 2008

Excesso de endividamento do município de Carrazeda de Ansiães

Segundo o despacho, a que a agência Lusa teve acesso, os municípios de Carrazeda de Ansiães, Fornos de Algodres, Mangualde, Mondim de Basto, Santa Comba Dão, São Pedro Sul e Vouzela mantiveram o excesso de endividamento e consequentemente serão mantidas as deduções mensais de 10 por cento do Fundo de Equilíbrio Financeiro. O apuramento do endividamento líquido municipal relativo ao ano passado concluiu ainda que os municípios de Ansião, Lourinhã e Ourique reduziram entre 10 a 20 por cento o endividamento permitido.

Carrazeda de Ansiães foi o município cuja variação do excesso de endividamento líquido registou maior percentagem (375,5 por cento), enquanto que no médio e longo prazo foi Santa Comba Dão com 35 pontos percentuais de aumento do endividamento. TSF

6 comentários:

Anónimo disse...

Excesso em tudo do que é de mau, não tem ponta por onde se lhe pegue, pobre Carrazeda.
Lamento, é a minha terra, a minha gente que eu adoro.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

é tudo um festival de musica medieval.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

O Concelho de Carrazeda de Ansiães, se estivesse desenvolvido como EMPENHADO seria o melhor Concelho Transmontano...

Anónimo disse...

Quem vier que feche a porta!!!...